Atendimento psicológico aos estudantes de medicina: Técnica e ética

R$83,00

Sucesso! Você tem frete grátis
Frete grátis a partir de R$100,00
Entregas para o CEP:
Frete grátis a partir de R$100,00
  • Zeus Livros Av Brig Luís Antônio, 1564 - Piso 2 - Cj 32 - Bela Vista - São Paulo
    Grátis

Atendimento psicológico aos estudantes de medicina: Técnica e ética
Autor: Sergio Baldassin 
Editora: Edipro 
ISBN: 9788572838429
Páginas: 192
Edição:
Ano: 2019

 

Sinopse:

 

Atendimento Psicológico aos Estudantes de Medicina – técnica e ética traz à luz um dos temas mais atuais no entrelaçamento entre a medicina e a psicologia. Os problemas mundialmente enfrentados pelo sistema de educação médica estão dispostos na obra, inclusive a esfera dos especialistas em saúde mental, que reconhecem o seu papel fundamental na promoção do equilíbrio psicoemocional do estudante de medicina, ponto central na formação de um excelente profissional da área médica. Estruturado em uma série de artigos de renomados profissionais, educadores e pesquisadores, tanto da medicina quanto da psicologia, este livro traz informações, promove discussões e sérias reflexões acerca do tema, atestando a seriedade do trabalho desenvolvido e a qualificação dos profissionais que a ele se dedicam. Dessa forma, a leitura tem caráter imprescindível aos experientes profissionais da psicologia, aos educadores e administradores envolvidos na formação médica. O atendimento de estudantes de Medicina tornou-se mais comum no Brasil. Felizmente a ideia da Organização Mundial de Saúde de promover não apenas tratamentos, mas o melhor tratamento, a todas as doenças e transtornos também sensibilizou a todos os profissionais atuantes nas áreas psicológica e psiquiátrica, integrando estas disciplinas para o melhor atendimento do paciente. Neste caso, trata-se de um paciente “diferente”, por ser um profissional da saúde treinado para ver “o outro” como doente e que normalmente se recusa a, ou é treinado a não, reconhecer os próprios sentimentos, podendo isto ocasionar repercussões negativas em sua própria saúde e na maneira como irá atender a queixas psicológicas e psiquiátricas ou a comorbidades. A educação médica também percebeu o seu papel em promover o equilíbrio psicoemocional do estudante de Medicina como um objetivo pedagógico imprescindível para a formação de um bom médico. Uma leitura imprescindível aos profissionais da área “PSI”, educadores e administradores.